top of page

Colômbia suspende cessar-fogo com Farc após morte de indígenas

Medida foi motivada pelo recrutamento de menores pelo Estado Maior Central e assassinato de 4 deles após tentativa de fuga

Foto: Reprodução

O presidente da Colômbia, Gustavo Petro, suspendeu na 2ª feira (22.mai.2023) a trégua com o grupo de dissidentes das Farc (Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia) Estado Maior Central em 4 regiões de conflito.


A decisão foi anunciada depois do assassinato de 4 crianças indígenas. “Informa-se que a trégua bilateral que vigorava atualmente com este grupo armado nos departamentos de Meta, Caquetá, Guaviare e Putumayo está suspensa, e todas as operações ofensivas foram reativadas”, escreveu a presidência colombiana em comunicado.


Quatro menores da comunidade indígena murui foram assassinados ao tentar fugir do EMC (Estado Maior Central), para o qual tinham sido recrutados. “Foi um fato atroz que questiona a vontade de construir um país em paz. Não há justificativa para este tipo de crime”, avaliou Petro.


A suspensão do cessar-fogo entrará em vigor 72 horas depois da divulgação do comunicado.


Informações de Poder 360

2 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page