top of page

Insatisfeito com fusão, chefão da Warner na América Latina pede demissão

Tomás Yankelevich, chefe de conteúdo de entretenimento geral da Warner Bros Discovery na América Latina, pediu demissão nesta segunda-feira (15)


Imagem: Divulgação / WARNER BROS. DISCOVERY


A saída foi anunciada aos funcionários por meio de comunicado e causou surpresa. Em seu lugar, entra o também argentino Mariano Cesar, que cuidava da área de programação da empresa. A troca tem efeito imediato, sem transição.


Segundo apurou o Notícias da TV, a saída de Yankelevich se deve a uma insatisfação com os rumos da Warner desde a fusão com a Discovery, aprovada no ano passado. O executivo não gostou dos cortes realizados por questões financeiras e da falta de investimentos em novidades para a região.


Sentindo-se desmotivado, Yankelevich decidiu pedir para sair. Já Mariano Cesar, seu sucessor, está na empresa desde 2008 e tem uma visão de negócio mais alinhada com o atual mandatário da multinacional, David Zaslav, que preza por resultados financeiros e menos ousadia de conteúdo.


Tomás Yankelevich tem 45 anos e é filho da produtora Cris Morena, criadora de diversas franquias de novelas conhecidas no Brasil, como Chiquititas (1997), Rebelde (2004), Floribella (2005) e Quase Anjos (2007). Ele também é filho do executivo Gustavo Yankelevich, uma espécie de Boni argentino, que ditou tendências na TV do país vizinho.


O executivo, agora ex-Warner, começou sua carreira na Telefe, líder de audiência na TV argentina, como diretor de produções globais. Além de gerir os programas próprios, ele negociava conteúdo estrangeiro. Foi Yankelevich o responsável pela compra de Avenida Brasil (2012), da Globo, que virou um fenômeno quando exibida em 2014.


Em 2017, Tomás Yankelevich pediu demissão e virou o chefão da Warner na região. A empresa tinha o plano de estrear e investir em conteúdos para streaming e via nele o principal nome para gerenciar o crescimento local. Foi Yankelevich quem convidou Silvio de Abreu, ex-Globo, para trabalhar na empresa. Silvo também já encerrou seu ciclo na Warner Bros. Discovery.


A coluna apurou que Tomás Yankelevich ainda não tem um destino profissional certo. Ele descansará e só depois decidirá o próximo passo.


"Foi um privilégio ter tido a oportunidade de liderar esta equipe nos últimos seis anos, acompanhado por grandes profissionais com quem partilho a paixão pelo que fazemos: emocionar o público com as nossas histórias", disse Yankelevich em comunicado à imprensa.


"É hora de fechar esse ciclo e traçar uma nova etapa na minha carreira. Faço-o com a satisfação de ter atingido cada um dos nossos objetivos e, sobretudo, de ter conseguido isso com uma equipe que se distingue pelo compromisso e pela qualidade humana."


Informações de Notícias da TV UOL.

3 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page