top of page

Lula embarca para a Colômbia para bilateral com Petro e discussões sobre a Amazônia

A previsão é que Lula e Petro tratem na bilateral sobre o comércio, investimentos e cooperação em defesa e de segurança


Lula - Imagem: Ricardo Stuckert/PR



O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) embarcou, no último sábado (8), para Letícia, na Colômbia, onde participa do encerramento da Reunião Técnico-Cientifica da Amazônia. Lula terá também uma reunião bilateral com o presidente Gustavo Petro.


Esta é a nona viagem internacional de Lula desde o início de seu mandato e o 13º país visitado. A viagem deste sábado foi um convite de Petro.


A previsão é que Lula e Petro tratem na bilateral sobre o comércio, investimentos e cooperação em defesa e de segurança. Em 2022, Brasil e Colômbia registraram recorde de US$ 7,4 bilhões em comércio. A Colômbia é o 4º maior parceiro do Brasil na América Latina, atrás de Argentina, Chile e México. Até maio do ano passado, o intercâmbio bilateral chegou a US$ 2,9 bilhões.


Reunião Técnico-Cientifica da Amazônia

Durante três dias, especialistas, pesquisadores, representantes dos povos indígenas e da sociedade civil se reuniram para tratar sobre temas relacionado à Amazônia. Neste sábado, os resultados serão apresentados aos ministros do Meio Ambiente dos oito países membros da organização do Tratado de Cooperação Amazônia — formado por Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Guiana, Peru, Suriname e Venezuela.


O Tratado de Cooperação Amazônica foi assinado em 1978 por oito países sul-americanos — Brasil, Bolívia, Colômbia, Equador, Guiana, Peru, Suriname e Venezuela —, e entrou em vigor em 1980, com o objetivo de promover o desenvolvimento na Amazônia. O Tratado é a instância prioritária para o desenvolvimento de projetos conjuntos dos países amazônicos.


Em Palácio, os países, incluindo a delegação brasileira, também negociarão o teor da declaração conjunta para a Cúpula da Amazônia, que será realizada pelo governo brasileiro em Belém do Pará, em agosto. A ideia é que o documento contenha pontos a favor do desenvolvimento sustentável da Amazônia, incluindo a proteção do bioma e a valorização dos povos indígenas.



Informações da Folha PE.

3 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page