top of page

Tarcísio toma posse como governador de São Paulo

Em discurso, governador agradeceu 'ousadia' de Bolsonaro



Foto: Divulgação/Alesp


Tarcísio de Freitas (Republicanos) foi empossado na manhã deste domingo (1º) como governador de São Paulo pelos próximos quatro anos, após ter sido eleito em 30 de outubro com 13,4 milhões de votos.


O novo governador paulista e o vice, Felício Ramuth (PSD), foram empossados por volta das 9h35 e prestaram o compromisso constitucional em cerimônia na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp).


Em seu primeiro discurso como governador na tribuna do plenário da Alesp, Tarcísio agradeceu à família e também ao ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), por ter apostado no nome dele para representar o bolsonarismo na eleição para o governo de São Paulo.


Em sua fala, o governador destacou "atenção às demandas populares", que deve ser o "grande direcionador da ação do estado".


Ao agradecer Bolsonaro, afirmou que o ex-presidente foi "ousado" em lançá-lo candidato. O governador também disse que apostou em "técnicos desvinculados das pressões partidárias" na composição do secretariado, em vez da "indicação irresponsável de dirigentes", o que classificou de "raiz da corrupção e do fisiologismo".


O governador destacou também que irá "governar para todos": "Entendemos o recado das urnas: vamos governar para todos, renovando a esperança de um futuro melhor, percebendo e explorando cada potencial do Estado, apostando na inovação, na tecnologia como arma poderosa para o crescimento e para a melhoria na prestação dos serviços".


Ao assinarem o termo de posse pelas mãos do presidente da Alesp, Carlão Pignatari (PSDB), governador e vice prometeram "cumprir e fazer cumprir a Constituição federal e a do estado, e observar as leis”. O mandato deles termina em 6 de janeiro de 2027.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page